Em mim foi sempre menor a intensidade das sensações que a intensidade da consciência delas. Sofri sempre mais com a consciência de estar sofrendo que com o sofrimento de que tinha consciência. A vida das minhas emoções mudou-se, de origem, para as salas do pensamento, e vivi sempre mais amplamente o conhecimento emotivo da vida. E como o pensamento, quando alberga a emoção, se torna mais exigente que ela, o regime de consciência em que passei a viver o que sentia, tornaram-me mais quotidiana, mais epidêmica, mais titilante a maneira como sentia.
Fernando Pessoa.   (via thiaramacedo)

(via thiaramacedo)

Monsters are real, and ghosts are real too. They live inside us, and sometimes, they win.
Stephen King (via observando)

(via oruivo)

(via moan-s)

(via moan-s)

(via oruivo)

(via moan-s)